FECHAR

Assine nossa newsletter:

Feliz Dia do Professor! Passado, presente e futuro desse grande agente transformador

13 out, 2020 | Publicado por Líder em Mim

Anísio Teixeira, Darcy Ribeiro e Paulo Freire. Se você é da área da educação, certamente já ouviu falar desses nomes como grandes referências nacionais, não é mesmo? Sabe o que todas essas personalidades têm em comum? Todos usaram a paixão pela educação para deixar um legado, ser agente de importantes transformações. Essa é, inclusive, a essência de quem decide abraçar e seguir a linda carreira de professor!

Agora, tão importante quanto esses nomes, temos também milhares de Josés, Marias, Joãos e Antônias…pessoas pelos quatro cantos do país que diariamente se esforçam para superar os inúmeros desafios da profissão e se dedicam a essa tão complexa e mágica arte de ensinar. Mais além, a arte de formar e de construir bons cidadãos para um futuro melhor. O trabalho é árduo, mas, sem dúvidas é compensador. Tudo isso merece ser celebrado e o momento é ideal, já que estamos em outubro, o mês do professor!

Por isso, a partir de agora, o Blog Líder em Mim traz um pouco de história e do cenário que marca essa profissão nos dias de hoje e que, por muitas vezes, naturalmente confunde-se até como uma missão mais que especial. E antes de começarmos, nós do Líder em Mim deixamos desde já registrado aqui todo o nosso respeito, carinho e admiração por cada um de vocês. Engrenagem primordial para um mundo em constante movimento, você, professor, é o motor que viabiliza o ciclo onde se aprende para ensinar, vive para educar e educa para viver.

Um pouco de história para nos inspirar

A profissão de professor é considerada uma das primeiras ocupações a existir. Surgiu antes mesmo da própria escrita, quando, então, os ensinamentos eram transmitidos oralmente.

Ao longo da história, muitas personalidades fincaram seu nome na eternidade, justamente exercendo a docência. Por ela, difundiram relevantes conhecimentos e colocaram em prática importantes teorias e inovações. Assim, trouxeram novos olhares e aprendizados, transformando e evoluindo o ensino em nível mundial.

O físico alemão Albert Einstein, com seus conceitos revolucionários da física; o pedagogo suíço Johann Heinrich Pestalozzi, com sua visão de pedagogia humana e afetiva; e o também suíço Jean Piaget, que dedicou boa parte de sua vida para compreender como o conhecimento era adquirido e organizado na mente humana, o que influenciou substancialmente a forma de se ensinar, são alguns desses professores que inspiram docentes até hoje em todo o planeta.

Einstein: um dos professores a fazer história

Einstein: um dos professores que fez história

Aqui no Brasil…

No nosso país, a educação oficial se inicia em 1827, exatamente no dia 15 de outubro. Nessa data, o então imperador do Brasil, D. Pedro I, baixou um decreto que criava o Ensino Elementar no Brasil. O documento determinava que “todas as cidades, vilas e lugarejos tivessem suas escolas de primeiras letras”. É por causa desse decreto, inclusive, que o Dia do Professor entrou no calendário oficial de efemérides em 15 de outubro. Isso, desde 1963.

Aqui no Brasil, também reunimos nomes de grandes educadores, verdadeiras inspirações para a profissão. Os três destacados no início desse texto são apenas alguns exemplos de agentes que, através da educação, exerceram um imenso poder transformador.

Anísio Teixeira

Anísio Espínola Teixeira foi um educador baiano que defendeu o conceito de escola gratuita para todos. Assim, acreditava que, como uma instituição democrática, a escola deveria oferecer exatamente as mesmas oportunidades para todos, independentemente da classe social.

Além da bandeira do sistema educacional público, gratuito e obrigatório que sempre carregava, Anísio Teixeira também deixou valiosa contribuição ao atuar na elaboração e aprovação da Lei de Diretrizes e Bases de 1961. O documento definiu os rumos da educação no país.

Anísio Teixeira defendeu escola gratuita para todos / Cred: Inep

Anísio Teixeira: escola gratuita para todos / Cred: Inep

Darcy Ribeiro

O mineiro Darcy Ribeiro foi outro importante nome na defesa da democratização e da qualidade do ensino público para todos. Diplomado em ciências sociais, conduziu diversos programas de reformas universitárias.

Grande estudioso do tema, Darcy Ribeiro contribuiu diretamente no avanço de importantes reformas educacionais no Brasil. Até hoje, vale dizer, seus estudos são usados no embasamento de discussões acerca do futuro da educação.

Darcy Ribeiro e a democratização e qualidade do ensino/Cred: Adorocinema

Darcy Ribeiro: democratização e qualidade do ensino/Cred: Adorocinema

 

Paulo Freire

A terceira grande personalidade que inspira diversas gerações de professores é o educador pernambucano Paulo Reglus Neves Freire. Foi um dos maiores responsáveis por repensar a educação, mudando a concepção de forma de ensino.

Paulo Freire defendia o reconhecimento cultural do educando no processo de ensino e aprendizagem, o que garantia a eles autonomia numa nova forma de construção de conhecimento. Mais além, também marcou seu nome na educação pelo desenvolvimento de um método inovador de alfabetização e por todo seu empenho em ensinar os mais pobres.

Sem dúvidas, a essas nossas personalidades marcantes do mundo da educação somam-se outros inúmeros educadores. São pessoas que viveram suas vidas dedicadas ao poder transformador embutido na construção do conhecimento e que ajudaram a construir a história tão valiosa da profissão de professor.

Paulo Freire: inspira gerações de professores / Cred:Biografia.inf

Paulo Freire: inspiração para gerações de professores / Cred:Biografia.inf

Falamos do passado. E o presente?

Ter o registro dessa gloriosa e bem sucedida história da profissão de professor nos enche de orgulho, não é mesmo? Contudo, a educação é uma arte em constante e permanente construção. Por isso, temos que falar sobre o presente. Nesse sentido, qual o cenário profissional que temos na atualidade? Qual é o tamanho do time de professores existentes aqui no Brasil?

De acordo com um diagnóstico detalhado da educação no Brasil, produzido pelo Instituto Ayrton Senna, o país conta hoje com 2,23 milhões de professores em atividade. Desses, cerca de 1,75 milhão atuantes na rede pública de ensino. O levantamento também indica que, nos próximos cinco anos, a esse verdadeiro exército de agentes transformadores devem se juntar outros 1,5 milhão de docentes, vindos dos cursos de pedagogia bem como de licenciatura de carreiras como letras, matemática e física.

Algumas curiosidades

Dentro desse universo de professores, há alguns dados muito interessantes. Eles foram coletados pelo Inep, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Abaixo, selecionamos alguns, que ajudam a entender o perfil atual dos nossos professores:

– 78,5% dos docentes na educação básica têm nível superior completo (77,3% em grau acadêmico de licenciatura e 1,2%, de bacharelado). Em 2014, esse índice era de 73,3%. Desses 78,5% dos professores com grau superior, 36,9% têm, inclusive, pós-graduação;

– Na educação infantil brasileira, 69,3% dos professores têm ensino superior completo. No ensino médio, esse índice aumenta para 94%;

– Já na educação superior, 82,2% dos docentes possuem mestrado ou doutorado;

Esses números são muito importantes. Eles revelam maior preocupação dos professores em se prepararem para exercer a docência com mais qualidade. Assim, podem conhecer melhor as metodologias de ensino e aprendizagem mais modernas. Isso, sem dúvida, também proporciona uma educação de melhor qualidade. É o chamado ganha-ganha, conceito bem difundido nas habilidades socioemocionais, onde todos os envolvidos são beneficiados.

Brasil possui mais de 2 milhões de professores em atividade; maioria busca qualificação

Brasil tem mais de 2 milhões de professores em atividade; maioria busca qualificação

Os desafios da atualidade

É verdade que a formação ou o preparo profissional é fundamental para cumprir com sucesso o trabalho dos professores. Contudo, nos dias atuais, esse é apenas um dos desafios de quem abraça essa carreira magistral. O estresse que, em alguns casos levam à exaustão emocional, a falta de envolvimento dos pais na educação escolar de seus filhos, além da pressão e do acúmulo do trabalho nas instituições de ensino são alguns dos outros obstáculos que se apresentam atualmente aos docentes.

Esses desafios funcionam como uma espécie de triturador de boas energias. Tudo isso afeta a qualidade de vida dos professores e, já que aqui queremos homenagear e exaltar a importância de cada docente, vamos dar algumas dicas de como é possível se cuidar para afastar e vencer esses obstáculos da atualidade.

Para isso, mais do que falar dos problemas, vamos focar nos caminhos que garantam o bem-estar dos nossos professores. São cuidados no ambiente profissional, mas também pessoais, relacionados à saúde física, mental e emocional. Inclusive, depois de falarmos de passado e presente da profissão, a partir desse ponto, pode considerar que estamos falando sobre o futuro. Vamos nessa?

Não tenha medo do novo!

Como já dissemos, a educação é uma arte em constante transformação. A forte inserção da tecnologia no ensino que aconteceu recentemente é um belo exemplo desse movimento. Ela tem sido a ferramenta necessária para possibilitar a continuidade das aulas em tempo de pandemia. O professor deve ter em mente que também é um aluno. Como tal, pode e deve ter sempre interesse e disposição ao novo. Não tenha medo. Substitua o estresse e a angústia diante do novo pela motivação em aprender e, assim, buscar o aperfeiçoamento na profissão.

Não fique com medo do novo. Siga adiante, ele pode ser melhor!

Não tenha medo do novo. Siga adiante, ele pode ser melhor!

Aqui, vale ressaltar mais uma habilidade socioemocional: seja resiliente. O que isso significa na profissão? Guarde um tempo para compreender um momento adverso ou inesperado. Desse entendimento, busque as adaptações possíveis e necessárias, entendendo que ao final, tudo isso pode virar aprendizado. Esse tipo de exercício socioemocional fortalece e gera confiança para não desanimar e seguir adiante.

Não ignore suas emoções

Muitos professores conseguem até mesmo ensinar seus alunos como alcançar o equilíbrio emocional. Mas, infelizmente, não conseguem aplicar para si esse aprendizado. Essa dificuldade impacta na saúde mental e física e isso interfere negativamente na sua atuação. É preciso saber administrar e canalizar os sentimentos.

Nesse sentido, não deixe de contar com ajuda profissional quando achar necessário. E, mais do que isso, invista nos amigos e nas pessoas que te cercam de carinho e atenção. Uma boa conversa pode ajudar a reequilibrar os sentimentos e dar uma renovada na energia. Afinal, ter amigos é tudo de bom, né?

Invista nas boas amizades, que são fundamentais

Invista nas boas amizades, elas são fundamentais

Cuide do corpo

Guarde um tempo para descobrir e praticar uma atividade física que goste. Esse cuidado tem tudo a ver com o bom desempenho da profissão. Primeiro porque sabemos que exercer a função de professor demanda sim condicionamento! Que professor nunca acabou uma aula sentindo cansaço como se tivesse participado de uma maratona, não é verdade? Depois, a máxima “corpo são, mente sã” é pura realidade. Esse zelo ao corpo traduz-se em saúde e se reflete na intensa rotina do professor.

Além da prática de atividade física, também faz parte fundamental do cuidado ao corpo a boa alimentação, uma correta hidratação e boas noites de sono, para que possa amanhecer revigorado e com disposição no novo dia.

 Invista também na saúde: atividade física, hidratação e alimentação


Invista na saúde: atividade física, hidratação e alimentação

Leia também: Professores cansados: dicas fundamentais para encontrar inspiração

Tenha ambições e objetivos

Todo profissional deve ter ambições, bem como traçar objetivos para suas carreiras. Com o professor não deve ser diferente. O planejamento de metas ajuda a manter o foco no trabalho. Mais além, alimenta aquela chama necessária para atuar com o vigor necessário de forma a se destacar e fazer a diferença. A docência é uma das profissões que depende bastante dessa paixão. Afinal, os alunos percebem, captam e respondem naturalmente ao tipo de vibração que parte de seu professor.

Agora, tão importante quanto paixão, foco e objetivo é a construção do trajeto para alcança-lo. A carreira de professor exige frequente atualização. Dessa forma, é preciso acompanhar o mercado. Fique de olho nas diversas e excelentes opções de cursos online. Aqui, a gente deixa um valioso local a ser explorado: é o Programa de Formação de Professores (PROFS).

O PROFS é uma plataforma de cursos online, com e sem tutoria, que promove a disseminação de conteúdos com novas abordagens e reflexões. Oferece extenso material prático, o que auxilia na ampliação do repertório didático. Além do serviço de formação continuada à distância, a plataforma oferece um espaço virtual para o processo de ensino e aprendizagem, além da abertura ao diálogo junto dos professores. São conteúdos muito bacanas para quem quer e precisar estar atualizado. Tudo distribuído em diferentes mídias e formatos, o que favorece o entendimento e a qualificação do professor. Navegue em https://www.somoseducacao.com.br/solucoes/profs/ e busque conteúdo que combine com seus desejos, necessidades e ambições.

Tenha objetivo, ambição e acredite em teu poder transformador!

Tenha ambição, objetivo e acredite em teu poder transformador!

Acredite, és um agente transformador

Por fim, mas não menos importante, acredite na sua grandiosidade. Sinta-se valorizado pelo que decidiu abraçar como profissão, tornando-se um agente transformador!

Aliás, esperamos que você aproveite bem esse conteúdo. Mais do que isso, reforçamos toda a nossa homenagem a você, pela importância que representa na vida de cada pessoa. O passado nos mostra isso e, certamente, o presente que você, docente, está construindo, mostrará, no futuro, o tamanho da transformação que ajudou a protagonizar. Afinal, sem dúvidas, ser professor é inspirar e servir de combustível para a busca da evolução do mundo!

Quer ver mais matérias do universo Líder em Mim? Clique aqui!

Fotos: Unsplash

0 Comentários

Os comentários estão fechados.