FECHAR

Assine nossa newsletter:

Novo mundo: Habilidades comportamentais em alta no mercado de trabalho

12 nov, 2020 | Publicado por Líder em Mim

Já falamos aqui no blog sobre a diferença entre as hard skills e as soft skills, tipos de competências igualmente valorizadas no mercado de trabalho hoje em dia. Com a pandemia de coronavírus, o mundo profissional também passou por diversas mudanças em várias frentes. Desse modo, até mesmo a busca por habilidades nos profissionais ganhou novas nuances. 

Segundo uma pesquisa realizada pela startup de recursos humanos Revelo  – com sua base de 16 mil clientes -, os cinco comportamentos mais procurados neste momento são influenciados pelos desafios trazidos pela pandemia. Entre eles, a necessidade de rápida adaptação ao trabalho remoto, de acordo com Lachlan de Crespigny, cofundador da Revelo.

A pesquisa dá luz ao fato de que, hoje, a transformação digital e os avanços da tecnologia em todas as áreas e indústrias têm aumentado a competitividade das empresas, a disputa por vagas de trabalho e a exigência do aprendizado contínuo.

Com as habilidades comportamentais dos profissionais sendo acompanhadas de perto pelas empresas, como estar preparado? Quais dessas habilidades são as mais relevantes no momento e, eventualmente, a longo prazo?

Confira acompanhando a leitura deste artigo!

Habilidades em alta

De acordo com levantamentos de especialistas, as cinco competências comportamentais abaixo são as mais buscadas no mercado de trabalho atualmente. Entenda!

Comunicação assertiva

Um dos maiores desafios na adaptação ao trabalho remoto é a comunicação online. Ao utilizar as mensagens por texto, por exemplo, perde-se o elemento da linguagem corporal. Desse modo, o profissional precisa ter uma comunicação assertiva: direta, precisa, mas sem usar um tom agressivo.

Leia também: Como o socioemocional pode atuar na comunicação online?

Além disso, a habilidade de se comunicar bem, online ou offline, sempre foi importante para profissionais trabalharem de forma integrada a qualquer negócio. A comunicação eficiente é um dos pilares para o bom profissional.

Contato telefônico, videochamadas e kit de emoções são sugestões de ideias

Comunicação em trabalho remoto

Autogerenciamento

O home office também acelerou uma tendência que já era cada vez mais esperada dos profissionais: a capacidade de se autogerir. Sem o ambiente do escritório, o funcionário precisa se adaptar a um novo jeito de trabalhar. Aqui, o mais importante é a entrega, e não a quantidade de horas trabalhadas.

Sem o chefe como “vigia”, existe o desafio de vigiar a si mesmo, o que tem como base uma boa autogestão e autoconhecimento.

Os desafios do home office

Dinamismo 

O mundo globalizado e digital é naturalmente interligado. Desse modo, a multidisciplinaridade se faz cada vez mais presente.

Diante dessa realidade, os colaboradores dinâmicos saem na frente. O dinamismo se trata da capacidade do profissional de raciocinar rápido e conseguir fazer mais tarefas de forma rápida e ágil. Este comportamento potencializa a produtividade e os resultados. É um grande diferencial no mercado de trabalho!

Dinamismo no ambiente de trabalho

Flexibilidade

A capacidade de ser um profissional dinâmico está naturalmente ligada à capacidade de ser uma pessoa flexível. Aqui, trabalhamos também o conceito de resiliência.

Um profissional flexível e resiliente é aquele que sabe da rapidez com que as circunstâncias mudam. A adaptação, desse modo, deve ser na mesma velocidade. É importante também ter a capacidade de tirar o melhor das situações mais complicadas. 

Relacionamento interpessoal

Com uma boa comunicação, dinamismo e flexibilidade, o profissional deve saber usar de tudo isso para lidar com os colegas de trabalho. O relacionamento interpessoal, portanto, é uma das habilidades mais importantes no mundo profissional!

Com o desafio de garantir que todos saibam seus pontos fortes e características a trabalhar, é essencial saber como estar sintonizado com a equipe e com os setores pelos quais irá transitar.

Bom relacionamento entre colegas é fundamental

Educação para o futuro

É nítido que o ambiente profissional está cada vez mais voltado para o comportamento socioemocional dos colaboradores. Não à toa, as competências socioemocionais são cobradas pela BNCC (Base Nacional Comum Curricular) e são a essência do Líder em Mim. 

Os nossos estudantes estão mais do que preparados para os desafios do mercado de trabalho e da vida!

habilidades socioemocionais

Crianças preparadas para o futuro!

Confira os projetos do Líder em Mim: https://www.olideremmim.com.br/olem_blog/lider-em-mim-em-foco/

Fotos – Freepik, Unsplash e Divulgação

 

0 Comentários

Os comentários estão fechados.